28 julho 2012

Fools in love


Costumo dizer que pra cada pessoa é um amor diferente, ninguém ama de novo, mas sim de uma nova forma. De qualquer forma, eu nunca quis de fato. Amor trás muitos riscos, trás dor mesmo quando é bom, você nunca sabe como será depois de alguns anos, não sabe se a pessoa vai virar alguém estúpida, não sabe se ela vai te amar ou se vai ficar com você por conveniência, e não sabe se ela vai mentir (coisas graves) pra você. O amor por certo prisma é inútil, sem ele você também é feliz.

Só que não da mesma forma.

É diferente quando você tem alguém em quem você aprende a confiar aos poucos, por mais desconfiada que você seja. É ainda mais diferente quando essa pessoa é generosa e humilde, e você tem certeza que ela te olhará nos olhos. É diferente quando ela te ajuda a se levantar e você se sente abraçada mesmo quando estão longe um do outro. É diferente quando você mostra todos os seus monstros, todas as suas faces e fraquezas, medos bobos, suas vergonhas, seus desabafos e fatos que você não diz pra ninguém e nem pra si mesmo, e a pessoa com gratidão por você ter se mostrado, te entende, te ajuda, te ama mais.

Gratidão não é o que muitas pessoas sentiriam ao ver os monstros da outra.

E quando você se pergunta “será que seria muito diferente se eu nunca tivesse conhecido ele?” e não vê tão logo a resposta... Por ironia do destino você é obrigada a passar dias sem conseguir saber se a pessoa está bem, sem dizer um “oi” ou dizer o quanto sente por ela. Você quase morre de ansiedade. Então sente saudade e o peito dói de um jeito incrivelmente bom e ruim ao mesmo tempo.

Você não sabe como vai ser depois de anos, não sabe pelo que vão ter que passar.

Mas você quer passar.

É... É diferente.

--

 Sim, estou piegas haha

5 comentários:

Camila disse...

Nossa que texto lindo *-* Parabéns >< Bjs

P.M disse...

Olá tudo bem com vc?? ^^
adorei seu blog, muito delicada que senti que estou no céu ^^ quanto nome do título *--*

aceita parceria comigo? =D

Kisses...

Camila disse...

Oi tenho um desafio para você lá no blog:

http://mila-vb.blogspot.com/2012/07/desafios.html

Bjs :)

Autumn disse...

Lili tá fofinha, hmmmmmm
"Amor trás muitos riscos, trás dor mesmo quando é bom, você nunca sabe como será depois de alguns anos" super concordo com esse trecho.

Relieme disse...

Bonito texto ^-^ Tem jeito pra escrever essas coisas sobre sentimentos e emoções. Lay fofo *-*
Arg, não sei mais o que comentar. Devo estar a perder o jeito DX
Até à próxima o/

Postar um comentário